Dieta do Mediterrâneo, Destrua suas Gordurinhas!

Dieta do Mediterrâneo

A dieta do mediterrâneo tem por base a alimentação dos países que estão na região mediterrânea, os países banhados pelo mar mediterrâneo (Itália, Espanha, Grécia, Egito, Líbia, Marrocos, Turquia e Líbano). É verdade que são países culturalmente muito diferentes, há semelhanças com relação ao clima, temperatura, solo que exercem uma influência direta na agricultura, esta por sua vez na alimentação.

Entre as principais características dos hábitos alimentares desta região é o consumo de frutas e hortaliças, cereais, leguminosas e também de oleaginosas (amêndoas, azeitonas, nozes, etc.), peixes, leite (e seus derivados), vinhos, azeite e uma grande variedade de ervas aromáticas. Outra característica marcante nestes países é o baixo consumo de carnes vermelhas (e gordura animal de um modo geral), produtos industrializados e doces (ricos em açúcar e gordura).

Para seguir a dieta do mediterrâneo não há grandes segredos, basta adotar os hábitos alimentares desta região (que são inclusive bastante saudáveis), veja a seguir alguns pontos a observar em sua alimentação para que esteja fazendo a dieta do mediterrâneo.

Dieta do Mediterrâneo, Destrua suas Gordurinhas!

Em sua Dieta do Mediterrâneo Não pode Faltar…

A dieta do mediterrâneo não possui um cardápio específico nem mesmo contagem de calorias ou pontos, mas sim a indicação de quais os alimentos que devem ser predominantes (ou ao menos presentes) em sua dieta. Com esta alteração nos hábitos alimentares já notará o emagrecimento, se aliar isto a uma quantidade de calorias correta (ou um pouco abaixo) para seu peso certamente emagrecerá rapidamente e com saúde!

Frutas e hortaliças: são alimentos ricos em vitaminas, minerais e fibras, muitos também possuem antioxidantes, assim além de estar se nutrindo ainda estará prevenindo alguns tipos de câncer.

Matérias Especiais para Você...

12 Kg em 1 MêsEspecial: Ana Emagreceu 12 Kg em 1 Mês!
Confira o que ela fez para conseguir emagrecer!

Café VerdeDETOX é o Novo Xodó dos Especialistas!
Emagreça com muita facilidade através dele!

Cereais: são boas fontes de carboidratos, os integrais principalmente, ricos em fibras, nutrientes e minerais (zinco, fósforo e magnésio) e vitaminas essenciais.

Leguminosas: ricas em fibras e proteínas de origem vegetal, ajudam a combater a constipação (bastante frequente durante dietas), ajudam a baixar os níveis de LDL (colesterol ruim), assim prevenindo doenças cardiovasculares.

Oleaginosas: são fontes de gorduras consideradas boas (mono e polinsaturadas), que são as gorduras que ajudam a baixar o colesterol. Geralmente ricas em vitamina E e também boas fontes de selênio (ação antioxidante).

Peixes: ricas fontes de Ômega 3 trazem diversos benefícios para a saúde como diminuição de doenças cardiovasculares e também de acidente vascular cerebral, ajudam a baixar a pressão, ação anti-inflamatória e redução das taxas de triglicérides.

Leite e seus Derivados: ricas fontes de cálcio, apenas vale lembrar que deve optar pela versão desnatada ou light sempre que possível.

Vinho tinto: rico em flavonóides (antioxidantes), ajuda evitar a formação de placas de gordura nos vasos sanguíneos desta forma contribuindo para a redução dos riscos de ter problemas cardiovasculares.

Azeite de oliva: possui ácido graxo monoinsaturado, que contribui para o aumento do HDL (colesterol bom), assim favorecendo o coração.

Como um grande ponto positivo a dieta do mediterrâneo apresenta o fato de ser uma dieta extremamente saudável, evitando gorduras de origem animal, açúcares e o excesso de carboidratos. É uma excelente dieta para a reeducação alimentar.

Como ponto negativo para quem está querendo emagrecer há o fato de que não possui uma rotina de exercícios associada e nem mesmo a contagem de calorias, o que pode levar a simplesmente não emagrecer porque está comendo muito. Mas para isso basta fazer um controle do que está comendo e certamente terá excelentes resultados no emagrecimento e na saúde!

Leave A Response

* Denotes Required Field